Menssagem de erro

  • Deprecated function: Methods with the same name as their class will not be constructors in a future version of PHP; views_display has a deprecated constructor em require_once() (linha 3157 de /var/www/vhosts/logomotiva.com.br/public_html/includes/bootstrap.inc).
  • Deprecated function: Methods with the same name as their class will not be constructors in a future version of PHP; views_many_to_one_helper has a deprecated constructor em require_once() (linha 113 de /var/www/vhosts/logomotiva.com.br/public_html/sites/all/modules/ctools/ctools.module).

Jornal propõe reflexão sobre fotojornalismo com publicação sem imagens

Homenagear a fotografia de um jeito diferente e fazer uma crítica à ascensão da tecnologia portátil foi o objetivo do jornal francês Libération, ao divulgar esta semana uma edição onde foram retiradas todas as imagens. A ideia surgiu da necessidade de repensar os processos de trabalho da indústria e o papel dos profissionais que dependem dela com foco no fotojornalismo.

Uma pesquisa realizada recentemente pelo American Society of News mostrou como os atuais cortes de equipe atingiram artistas, fotógrafos e videomakers. Desde o ano de 2000 até 2012, o rank de profissionais ligados a estas áreas declinou cerca de 40% e o número de repórteres e jornalistas diminui em média 32%.

Essa crise fez com que o jornal francês Libération resolvesse propor uma reflexão sobre o assunto. Os avanços tecnológicos trouxeram inúmeros benefícios à sociedade embora tenham trazido ao mesmo tempo muitos desafios para o mercado de trabalho. Um choque visual é assim que Brigitte Ollier, da equipe de cultura do jornal Libération descreve a primeira edição sem imagens. “Em seu lugar, uma série de quadros vazios que criam um espaço de silêncio, bastante desconfortável: é óbvio, há uma falta de informação, como se tivesse tornado um jornal mudo. Sem som, sem esta pequena música interior que acompanha o olho”, disse a jornalista no artigo intitulado "Libération mergulhou na escuridão".

Na primeira edição do jornal sem as imagens foi mantido o design usual. Contudo, para trazer uma reflexão sobre o tema foi organizado junto aos textos uma série de espaços vazios no local onde ficariam as fotografias, mas com as respectivas legendas. O destaque fica por conta das últimas páginas que abrigam todas as fotografias não exibidas nos artigos e com a referência do respectivo local.

Fonte: Brainstorn #9 e Libération

Solicite uma análise gratuita de sua presença online !
Solicitar

Agende uma reunião na sede da agência ou na sua empresa e um consultor irá, sem compromissos, bater um papo sobre as possibilidades e o quais os melhores caminhos a seguir nesse mundo digital
Agendar

Fotos Logomotiva